Como comer mais devagar pode ajudar a perder peso

Grande parte das pessoas come numa velocidade atroz, como se a comida fosse acabar. Eu sempre “sofri” do contrário (desde que fiz uma cirurgia para retirar os adenóides e fiquei semanas comendo igual passarinho). Mastigação super lenta. Os amigos me zoavam porque sempre tinham que esperar por mim e a familia me apressava. Principalmente o meu irmão me perguntando se eu ia querer repetir e ainda nem tinha chegado no meio da minha refeição…(se você tem um irmão deve saber do que estou falando).

Hoje, sabendo dos benefícios deste hábito, fico feliz e tento passa-lo às pessoas que se alimentam comigo. Uma vez aprendi um ditado, não sei onde e, que sempre me lembro: “Mastigue os líquidos e engula os sólidos”. No sentido que a comida, para passar da nossa garganta deve ir tão “mastigadinha” que pareça um suco. E o meu marido brinca comigo (= olha de lado) porque eu mastigo o suco verde matinal e a água!

Estudos mostram que comer de forma mais lenta pode ajudar você a se sentir mais satisfeito e a perder peso. O post de hoje explora os benefícios de comer mais devagar, para perda de peso e para a sua saúde em geral.

As pessoas que comem super rápido têm 115% mais chances de se tornar obesas se comparadas a pessoas que comem devagar.* Acabam por comer mais e também dificultam a digestão.

compulsao alimentar

Comer devagar ajuda você a comer menos. Entenda porquê:

O seu apetite e a ingestão de calorias são controladas pelos hormônios. Normalmente depois de comer, seu intestino suprime um hormônio chamado grelina, que controla a fome. Ele também libera os hormônios anti-fome: a colecistocinina (CCK), o peptídeo YY (PYY) e o glucagon-peptide-1 (GLP-1)**.

Esses hormônios retransmitem uma mensagem ao cérebro, dizendo que você já comeu e que os nutrientes estão sendo absorvidos. Isto reduz o apetite. Faz você se sentir completa e ajuda a parar de comer. Curiosamente, este processo leva cerca de 20 minutos. Então, abrandar dá a seu cérebro o tempo necessário para receber esses sinais.

Conclusão: Comer devagar pode aumentar os hormônios de saciedade, tanto momentaneamente como a longo prazo. Durante as horas seguintes à refeição. E isto significa uma redução no consumo de calorias. Yey!

Por outro lado, comer muito rapidamente, muitas vezes, leva a excessos, pois o seu cérebro não tem o tempo necessário para receber os sinais da plenitude.

Outros beneficios de comer devagar:

  • promover uma mastigação completa, facilitando a digestão;
  • aumenta o prazer da refeição;
  • melhora a digestão;
  • ajuda a absorver melhor os nutrientes;
  • ajuda a manter os dentes mais saudáveis;
  • faz com que você se sinta calma e no controle;
  • Reduz o estresse e a compulsão.

perder pesoEntão como desacelerar e perder peso?

  1. Evite ficar com demasiada fome para comer – faça pequenos lanches entre as principais refeições;
  2. Mastigue mais os alimentos ( comece pelo dobro ou o triplo do que costuma mastigar );
  3. Pouse os talheres entre “garfadas”;
  4. Coma alimentos com bastante fibra (vegetais, frutas, nuts,…);
  5. beba muita água entre as refeições (não durante);
  6. Tente demorar cerca de 20minutos a terminar a sua refeição;
  7. Coma conscientemente, sem ser olhando para o celular, TV ou revista. Foque no seu alimento – foque no agora;
  8. Respire entre cada garfada;
  9. Tenha paciência – as mudanças levam tempo e logo logo, comer devagar vai se tornar um hábito que você vai fazer naturalmente.

Coma devagar e aproveite as suas refeições. Você vai ganhar consciência de quanto você realmente precisa para se sentir satisfeita. Logo, pode promover perda de peso e aumento de qualidade de vida!

Siga também:
Instagram e Twitter @minhavidacomigo
Facebook https://www.facebook.com/MinhaVidaComigo
Youtube https://www.youtube.com/user/vaniacastanheira

5 Comentários to “Como comer mais devagar pode ajudar a perder peso”

  1. amei teu video no you tube,me ajudou muito,pois entrarei nessa fase agora de quimio,.
    11 de abril de 2016 às 22:37

    VANIA descobri um cancer de mama dia 09 de março e vou iniciar com quimio agora,vi teu video no you tube e me ajudou muito,parabens pela tua força,vi que a mulher pode continuar linda e feminina mesmo com o cancer. obrigada guerreira.

    • 15 de abril de 2016 às 11:24

      Olá minha querida,
      obrigada por compartilhar sua emoção e seu momento. Já começou a quimio?
      Um grande beijinho e muita força no seu coraçao

  2. Amanda Collini
    28 de fevereiro de 2016 às 23:55

    Boa noite Vânia

    Vi sua participação hoje no Domingo Espetacular, e gostaria de pedir uma ajuda sua, minha tia teve câncer de mama também, mas a cirurgia dela foi bem evasiva, ela fez mastectomia total no seio direito e tirou 27 linfonodos na axila, ela tem muita dor no braço direito, tem dias que não consegue dormir, ela está fazendo fisioterapia e pilates, mas a dor não melhora. Faz três meses que ela faz a cirurgia. Ela há tomou diversos tipos de analgésicos e não resolve. O que você recomenda?

    Agradeço pela sua ajuda.

    Aguardo seu contato.

    • 15 de abril de 2016 às 12:12

      Olá querida Amanda, boa tarde.

      Muito obrigada pelo seu comentário.
      Linfedema é muito normal depois dos procedimentos pelos quais a sua mãe passou. A minha sugestão é que fale com um bom fisioterapeuta pois existem algumas técnicas para a pessoa conviver melhor, sem sentir tanto incomodo. É possivel falarem com um bom profisisonal?
      Beijinhos

  3. 25 de fevereiro de 2016 às 18:42

    Muito legal a dica!

Escreva um comentário para Miriam Bruno

*