Maria José Oliveira – Histórias que Inspiram #39

“Eu me chamo Maria José e tenho dois filhos. Em julho de 2013, aoDURANTE O TRATAMENTO me tocar senti um caroço na minha mama direita. Tinha feito a mamografia em dezembro/2012 (6 meses antes) e tinha acabado de passar por uma cirurgia na mama esquerda para a retirada de um simples cisto. Por isso não me preocupei, pensei que fosse  apenas um período menstrual e com isto esperei mais 3 meses.

Com o passar do tempo observei que o caroço estava crescendo. Aí me assustei e fui médico. Chegando lá fiz um ultrassom e fui diagnosticada com um câncer de mama e já estava com os linfonodos comprometidos.

O médico ficou espantado e exclamou:

“Como pode ter acontecido isto se fizemos a cirurgia na mama há 9 meses!”

Eu disse:

” Não Dr nós não operamos a mama direita e sim a esquerda”

E ele friamente respondeu:

 ” Não?! ”

Quando ele olhou na minha mamografia observou que se tivesse retirado o nódulo naquela época ainda seria apenas um nódulo e não teria virado um câncer. Fiquei arrasada neste momento, mas Deus colocou em meu caminho um anjo e cuidou de mim da melhor forma possível, passei por cirurgia fiz esvaziamento de axila, fiz químio 16 sessões, 30 sessões de rádio que finalizou em agosto 2014. Hoje tomo tamoxifeno, terei que continuar tomando por 5 anos.  E gracas a Deus depois de diversos exames está tudo bem comigo. Hoje peço a Deus que cuide deste médico e que não deixe que isto aconteça com mais ninguém.

CAREQUINHAPassei por todo este processo que é muito doloroso com ajuda da minha família dos meus amigos e hoje estou confiante que nunca mais este bichinho irá voltar. Levo uma vida normal. Quando exagero um pouco no trabalho sinto dores no braço, mas nada que um bom descanso não resolva. Deus foi e sempre será o meu maior conforto, tenho certeza que sem ele eu não conseguiria passar tão bem por este processo.

Não tive muitos efeitos colaterais. Apenas vi o meu cabelo e minhas sobrancelhas caírem. Trabalhei todos os dias inclusive no dia que fazia químio e rádio. O câncer mudou minha vida, antes não tinha tempo para mim, sempre fui estressada, sempre pensei que as coisas tinham que acontecer no meu tempo, não aceitava um não muito bem justificado. Tinha 13 anos que eu não tirava férias. Dedicava 90% do meu tempo para o profissional pois queria ter sucesso. Hoje sei que a pessoa mais importante sou eu. A primeira coisa que fiz quando meu tratamento acabou foi fechar o meu escritório porque quero vida nova, sonhos novos e principalmente tempo para ser feliz.

Desejo força, saúde e muita fé a todas as pessoas que estão passando por este tratamento e tenham confiança pois nada dura a vida toda e tudo passa.

Maria José Oliveira dos Santos
39 anos
Câncer de mama
Contagem, MG – Brasil
 

Obrigada pela força e pela mensagem querida!Parabéns pela perspectiva que tem sobre a sua situação e por querer viver para ser feliz. No final isso é o que importa mesmo.

As nossas histórias dão um sentido à nossa vida e ajudam a vida dos outros. Qual é sua história? O que faz vibrar seu coração? O que te dá força? Conte para mim, conte para nós….AQUI. :) Também quero histórias de homens! Se quiser conhecer as outras histórias, já publicadas, basta clicar AQUI, nas Histórias que Inspiram.

Beijo no coração ;)

Assine o Blog

Receba as novidades e publicações no seu e-mail. Obrigado.

Siga também:
Instagram e Twitter @minhavidacomigo
Facebook https://www.facebook.com/MinhaVidaComigo
Youtube https://www.youtube.com/user/vaniacastanheira

Escreva um comentário

*